Polícia

Polícia Civil prende suspeito de praticar crime de estupro em Dracena

A violência sexual aconteceu em uma residência no bairro Vila Barros, onde a vítima, uma gestante de 07 meses, reside com outras quatro crianças, suas filhas.

Por Daniele de Melo Cardoso

07/06/2022 às 09:42:56 - Atualizado há

A Polícia Civil, por intermédio do Plantão Policial Permanente, prendeu em flagrante neste sábado (4), um homem de 34 anos, suspeito de ter praticado o crime de estupro. O fato ocorreu no interior dessa residência, em Dracena.

A uma mulher, grávida de sete meses, cujos dados pessoais foram preservados, procurou o plantão da Polícia Civil, narrando que sofreu o crime sexual, imputando-o a um indivíduo desconhecido que invadiu a sua casa, por volta das 05h30mim, enquanto ela dormia em companhia de quatro filhas, de idades não divulgadas.

O suspeito mediante a violência física, agrediu a vítima com socos na cabeça, levando-a para um cômodo de madeira existente nos fundos do imóvel, onde sobre um colchão, a forçou a manter relação sexual. Após o ato criminoso, o homem ameaçou a mulher dizendo que voltaria se ela gritasse por ajuda e em seguida, pulou o muro da casa e fugiu.

A vítima passou por exame de corpo de delito, no IML, que atestou a conjunção carnal e a lesão corporal sofrida.

Imediatamente, a Polícia Civil, registrou a ocorrência e iniciou os trabalhos investigativos com agentes do Plantão Policial Permanente, auxiliado por policiais das Unidades Especializadas - DIG/DISE, que com base em informações obtidas, como as caraterísticas físicas e as vestimentas do suspeito, empreenderam diligências visando a localização e prisão o acusado.

O homem foi localizado e detido, na Praça Arthur Pagnozzi, região central de Dracena. A vítima o reconheceu prontamente.

O suspeito confessou e assumiu ter praticado a relação sexual, mas que o ato teria sido consensual, alegando ainda que pagou e que a vítima seria "garota de programa". Negou também ter agredido a mulher com socos. O homem, ainda relatou ser usuário de cocaína e álcool.

Depois da sua prisão em flagrante e finalizados os procedimentos de polícia judiciária, o acusado foi encaminhado para uma cela da carceragem provisória do Plantão Central, ficando à disposição da Justiça, onde aguardará pela manifestação da audiência custódia.

Efetuada a pesquisa de antecedentes criminais do acusado, constatou-se anotações por prática dos crimes de furto e roubo, tendo ele cumprido pena no sistema prisional e atualmente, encontra-se beneficiado da prisão em regime aberto/domiciliar.

Comunicar erro
Portal Grande Prudente

© 2022 Portal Grande Prudente - Presidente Prudente-SP
Direitos reservados - Tel: 18 99741-2154

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Portal Grande Prudente